A fisioterapia na Saúde do HOMEM

 

 

 

Prostatectomia 

Câncer é uma palavra alarmante, assustadora e impressionante. Com isso,muitos homens amedrontam-se ao terem sintomas prostáticos, imaginando ser um tumor grave. Por mais que na maioria dos casos esse medo é infundado,  a verdade é que o câncer da próstata é muito comum.Principalmente acima dos 50 anos.

 

Mesmo sendo uma forma de cancêr tratavel, ele pode ser fatal ( como qualquer outro ) caso nao seja tratado de imediato. Por isso, a importancia de estar sempre realizando o exame urol´gico. Pois, esse tipo de cancer cresce lentamente e pode não causar grandes danos, especialmente em homens idosos, ou seja, muitas vezes nao é sintomatico.

 

Como ele é diagnosticado?

A diferença entre o câncer da próstata e o crescimento benigno da prostáta (HBP) é que o câncer pode crescer para fora da próstata nos tecidos vizinhos e também pode espalhar-se para outras partes do corpo (mestástases),particularmente para os ossos, causando dores e mesmo fraturas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 O urologista pode suspeitar que há um tumor em sua próstata se ela parece dura ou irregular ao toque ou se seu PSA sanguíneo está particularmente elevado.

Por que tem que ser feito o toque? 

Porque é a melhor maneira de encontrar altarações perceptiveos e concretas na prostata, pois qualquer rigidez, qualquer edema, pode ser percebido pelo toque e que, muitas vezes é mascarada pelo ecografia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como ele é tratado?

Remover ou destruir um crescimento canceroso vai curar a doença, desde que ela não se tenha espalhado, metastase.

 

Como é a cirurgia de retirada de prostata?

Esta operação consiste na remoção de toda a glândula prostática e as vesículas seminais, retira-se tudo e então a uretra é reconectada à bexiga. O canal aferente, por onde sobem os espermatozóides muitas vezes são ligados a bexiga. Impedindo a ejaculação.  

 

 

A prostatectomia radical envolve a remoção de toda a glândula prostática. Isso difere das operações para a prostata aumentada onde, mesmo a realizada a céu aberto apenas remove a porção aumentada do interor da glândula, desobstruindo a uretra. A glândula prostática tanto pode ser removida por uma incisão no lado do abdômen, como por baixo, por uma incisão na frente do ânus. Antes ou ao mesmo tempo (possivelmente por uma operação laparoscópica) os nódulos linfáticos ao lado da próstata serão retirados e examinados para verificar se o câncer não se espalhou.  Não havendo câncer neles, a glândula prostática é removida cortando-se a uretra abaixo da próstata e destacando a próstata do gargalo da bexiga,a qual é suturada de volta a uretra. Durante a cicatrização, em torno de duas semanas, deixa-se uma sonda no local, para formar a cicatriz com formato de uretra.

 

 

Quais as possíveis sequelas?

 

  • Dificuldade no controle da urina  – A remoção da próstata vai afetar os músculos que formam o esfincter voluntário, musculos esses responsável pela pressão uretral ser maior que a da bexiga e impedir a perda. Qaundo retira-se a prostata, pela lesão muscular o local onde ficou cicatrizado nao tera força e, portanto, menor pressão. Com isso qualquer estimulo que aumente a pressão da bexiga ( tosse, espirro, mudanca de decubito ) ira gerar alteração de pressão provocando a perda urinária.

 

    • Problemas sexuais  – os nervos necessários para que um homem tenha ereção ficam próximos à próstata. Já se pensou que a disfunção eretil vinha pois quase que inevitávelmente  pelo corte dessesnervos. Hoje, os cirurgiões, por um conhecimento maior das sequelas e da qualidade de vida, sabem mais precisamente onde esses nervos estão e evitam lesá-los sempre que possível. Em todo caso, a parte muscular foi afetada mesmo que indiretamente com a sustentação de uma bexiga sem apoio da glandula prostatica. E como essa região muscular que mantem o snague nos corpos cavernosos sustenando uma ereção, encontra-se extremamente fraca, pelo fato de não gerar uma pressão uretral a ponto de sustentar a urina, imagina sustentar uma ereção. Então com a fisioterapia a chance de recuperar a continência e a disfunção eretil é maior, quanto mais cedo reabilitar.

A fisioterapia:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

COMO É FEITO?  É EXERCÍCIO?

 

A fisioterapia vai atuar diretamente na parte musculo-esquelética desse paciente, de forma a recupear a força e promover a resistencia uretral anterior. Como muitos pacientes não sabem nem que esse grupo muscular existia, a propriocepção deles ( noção do corpo no espeço ) é menor, ou seja, não sabem nem como iniciar uma contração isolada. Enão a fisioterapia com as tecnicas de eletroestimulação, EMG biofeedback, cinesioterapia... ajuda o paciente a se conhecer, para então fortalecer.

 

músculo masculino que deverá ser fortalecido

Marque sua consulta visita com Dra. Viviane Poubel 

E entenda que SIM tem como voltar a ser FELIZ, NORMAL

SEM PROSTATA!!!!

 

Disfunção Sexual: 

 

As disfunções sexuais são alterações funcionais que prejudicam o ato sexual. 

No caso masculino os mais preocupantes são: Disfunção erétil e Ejaculação Rápida. 

A fisioterapia consegue sim atuar e reabilitar muitos dos pacientes que aqui nos procuram por meio de ELETROTERAPIA, Movimentos e claro estímulos terapêuticos acertivos. 

Dra. Viviane Poubel é especialista nessa função e desenvolveu formas de estímulos PERSONALIZADOS. 

Atua com a associação da tecnica de DRY NEDDLING com ELETRO ESTIMULACAO Correta no NERVO DORSAL 

Isso mesmo. O nervo que estimula e atua na EREÇÃO. 

Alem disso utiliza a VACUOTERAPIA de forma correta e unica para estimular e manter a musculatura intracavernoso. 

O tratamento, não é protocolizado... não é "choquinho"nas costas se o problema é no penis!!! Aqui, você vai ser tratado conforme seu corpo necessita. Logico que, se o problema for mais organico, Dra. Viviane encaminhará a uma equipe multidisciplinar com médico, psicologos etc.. que irão aprimorar ainda mais o ganho fisico e social. 

61 33450167 

uroginbsb@gmail.com

Segunda - Sexta

08:00 - 11:00

Sábado- apenas SEXOLOGIA E COACHING

08:00 - 12:00

  • facebook-square
  • rss-square
  • google-plus-square